5% off na primeira compra. Aproveite!

Entenda o impacto no meio ambiente causado pelo vazamento de petróleo nos oceanos

petróleo agua

O recente vazamento de petróleo cru que já se espalha por mais de 9 estados do Nordeste do nosso país, sendo identificado em uma faixa de 2 mil quilômetros da costa brasileira, levantou a discussão sobre esse gravíssimo problema ambiental, que causa prejuízos imensos a todos os organismos vivos, impactando em todo o ecossistema. O derramamento de petróleo nos oceanos acontece, na maioria das vezes, em função de acidentes nas plataformas de petróleo, defeitos nos navios-petroleiros ou até rompimentos de dutos, que terminam por lançar o petróleo no mar.

O petróleo é um combustível fóssil amplamente utilizado em todo o mundo. Trata-se de uma complexa combinação de hidrocarbonetos (composto químico constituído por átomos de carbono e hidrogênio). Ele é formado a partir da decomposição da matéria orgânica em um processo que leva milhares de anos e inicia-se com o soterramento de material orgânico.

O vazamento de petróleo no oceano ocasiona uma série de consequências graves, tais como:

● O petróleo é um óleo escuro que, ao ser lançado no ambiente aquático, forma uma grande barreira que impede a penetração da luz. Por bloquear

a luminosidade, o petróleo é responsável por impedir que o fitoplâncton realize a fotossíntese, o que afeta negativamente esses seres vivos. Como o fitoplâncton serve de alimento para o zooplâncton, este também é atingido. Desse modo, toda a cadeia alimentar do ecossistema marinho é prejudicada. Não podemos esquecer também que o homem pode sofrer as consequências dessa poluição caso faça a ingestão de organismos que foram contaminados pelo óleo.

● O petróleo também é capaz de intoxicar os animais marinhos, causando danos, por exemplo, no sistema nervoso, além de causar asfixia e morte pelo aprisionamento no óleo. Animais como peixes e tartarugas marinhas são amplamente prejudicados.

● Aves marinhas também são amplamente afetadas. Ao entrar em contato com a água para capturar seu alimento, essas aves têm suas penas cobertas de óleo. Ao recobrir o corpo do animal, o óleo é capaz de prejudicar o equilíbrio térmico desses organismos, fazendo com que a ave morra de frio ou de calor, dependendo do local em que ela estiver. Vale destacar, no entanto, que outros animais também podem ter seu equilíbrio térmico alterado.

● Os animais que vivem no mar e que dele retiram seu alimento são altamente prejudicados pela poluição por petróleo.

● A área contaminada por petróleo também causa danos ao turismo local, afetando diretamente a economia da região afetada.

● As pessoas que pescam nas áreas atingidas também são afetadas, pois a prática deve ser interrompida até que se comprove a segurança da realização dessa atividade.

A contenção das manchas de petróleo no mar é bastante difícil, uma vez que as correntes marítimas e de ar atuam na dispersão do óleo pelas águas. Com barreiras de contenção, as equipes tentam evitar que ele se espalhe para uma área ainda maior. Outro método bastante utilizado para tentar remover o petróleo da água é a aplicação de agentes biológicos fertilizantes, como fósforo e nitrogênio, que promovem o crescimento de micro-organismos que atuam na dissolução do petróleo