5% off na primeira compra. Aproveite!

Fortalecer o sistema imunológico

fortalecer sistema imunológico

Para fortalecer o sistema imunológico, é importante comer mais alimentos ricos em vitaminas e minerais, diminuir o consumo de fontes de gordura, açúcar e industrializados, com corantes e conservantes.

Além disso, manter um estilo de vida saudável também é uma das melhores estratégias: não fumar, comer alimentos saudáveis, praticar exercícios físicos regularmente, dormir de 7 a 8 horas por noite, evitar o estresse e consumir bebidas alcoólicas com moderação.

Alimentos ricos em ômega-3, selênio, zinco, probióticos, vitaminas A, C e E são os mais indicados para fortalecer esse sistema, já que favorecem a produção das células de defesa do organismo de forma mais eficiente.

A pessoa que precisa fortalecer seu sistema imunológico deve consumir uma maior quantidade destes alimentos, de forma diária e regular.

Exemplos de alimentos para fortalecer o sistema imunológico

  • Ômega-3: sardinha, salmão, arenque, atum, sementes de chia, nozes e linhaça;
  • Selênio: castanha do pará, trigo, arroz, gema de ovo, sementes de girassol, frango, pão de forma, queijo, repolho e farinha de trigo;
  • Zinco: ostras, camarão, carne de vaca, frango, peru e peixe, fígado, gérmen de trigo, grãos integrais e frutos secos (castanha, amendoim e castanha do Pará);
  • Vitamina C: laranja, tangerina, abacaxi, limão, morango, melão, mamão, manga, kiwi, brócolis, tomate, melancia e batata com casca;
  • Vitamina E: sementes de girassol, avelã, amendoim, amêndoas, pistache, manga, azeite de oliva, molho de tomate, azeite de girassol, nozes e mamão;
  • Vitamina A: cenoura, batata doce, manga, espinafre, melão, acelga, pimentão vermelho, brócolis, alface e ovo;
  • Probióticos: iogurte natural, leite fermentado tipo kefir ou Yakult para manter a saúde intestinal.

Para aumentar a imunidade rapidamente deixando o corpo mais forte no combate aos agentes agressores, você deve:

  • Expor-se ao sol diariamente, de preferência até as 10 horas da manhã e depois das 16 horas, sem protetor solar, para aumentar a produção de vitamina D no organismo;
  • Evitar ao máximo fast food e alimentos industrializados e comidas congeladas como pizzas e lasanhas, por exemplo, pois contém substâncias que promovem a inflamação do organismo;
  • Evitar tomar remédios sem orientação médica;
  • Beber cerca de 2 litros de água mineral ou filtrada todos os dias.