Na América Latina, água e sal se juntam para formam o maior espelho natural do mundo.

Você já teve vontade de caminhar no céu ou deitar em uma nuvem? No sul da Bolívia, em alguns momentos do ano, isso parece possível. O maior espelho natural do mundo, criado quando uma fina camada de água se reúne numa vasta planície de depósitos de sal, é tão magnífico que lembra um sonho, uma miragem. A visão do reflexo infinito das salinas no Salar de Uyuni é conhecida como “o céu na terra”.

O incrível fenômeno natural acontece quando pequenas quantidades de água (na época de chuva) inundam a planície de sal, criando uma imensa superfície de reflexo, como um espelho, que faz com que pareça que as pessoas estão caminhando no céu. As salinas se estendem por 6.500 quilômetros, como um enorme mar branco. Quando “alagado”, o Salar torna-se o maior espelho do mundo.

Laguna-Colorada

 

O Salar, além de ser impressionante, também contém a maior concentração de lítio no mundo, vital para computadores e baterias de telefones. Cerca de 70% do fornecimento deste metal precioso no planeta está contido nessa área.

A maravilha geológica da América do Sul é tão plana que a NASA usa sua superfície para calibrar as órbitas dos satélites. O Salar é rico em água mineral e também acolhe lindos animais selvagens em algumas épocas do ano, como os enormes bandos de flamingos rosas.

Se optar por tirar férias e conferir o maior espelho do mundo, ainda pode aproveitar de paisagens distintas e inacreditáveis da região, como as lagoas de água cristalina ou água avermelhada, montanhas, vulcões, gêiseres funcionando a todo vapor e pedras esculpidas pelo vento.

 

E aí, partiu? 😉

Assine nossa news

X FECHAR

Sobre o que gostaria de saber?

Deixe sua sugestão com a gente, o seu tema pode ser escolhido para o próximo post.